Mesas de pedra

Pedras Paglioto 03

Muito usadas em revestimentos de pisos,  paredes, banheiros e cozinhas, as pedras naturais são também ideais para confecção de mesas, sobretudo para áreas externas.

Para estes espaços – quando feitas bem rústicas com a pedra bruta em seu estado natural – além de muito bonitas, elas não precisam de qualquer tipo de manutenção e premanecem bonitas por tempo indeterminado.

Para áreas internas,  além de modelos rústicos, as pedras podem servir como matéria prima para mesas de centro, laterais ou de jantar com designs modernos e bem sofisticados.

Para quem vai fazer a reforma de sua casa ou apartamento, uma dica legal é se proteger com a SulAmérica Seguros.

Vejam alguns exemplos disso.

Um beijo

Bianca

Pedras Paglioto 02

Pedras Paglioto 01

www.owlee.com

www.cwo.uk.com

www.cwo.uk.com__a

www.todomundoaquiealguem.com

espacodapedra.com.br=a

www.1stdibs.com

krcrock.com

www.houzz.com

markdsikes.com

Asenne Arquitetura 02

Asenne Arquitetura 01

Postado em:Decoração e Bem-estar
0 Comentários

Entenda tudo sobre pisos laminados

As principais vantagens dos pisos laminados são o seu custo baixo em relação a outros pisos de madeira e a praticidade na instalação, que é feita com cola (sem utilização de pregos, o que a torna bem simples e rápida).

Além disso, esses pisos são ecologicamente corretos e podem ser instalados por cima de outros pisos, desde que estejam nivelados.

Existem muitos tipos de acabamento para agradar gostos mais clássicos, rústicos ou os mais sofisticados e elegantes. Esses produtos hoje são mais resistentes a desgastes e riscos porque são feito de substrato  de partículas de eucalipto que tem duplo revestimento não absorvendo substâncias ou organismo que transmitem alergias.

Instalados sobre mantas de polietileno, protegem da umidade e funcionam como isolante acústico e térmico não esquentando ou esfriando o ambiente e  mantendo a temperatura estável tanto no verão como no inverno.

Mesmo com a manta porém, o barulho ao andar com sapatos de salto pode incomodar. Essa é a sua principal desvantagem além da pouca resistência à umidade ou água.

Para limpa-lo e conserva-lo, use somente pano úmido, e tome o cuidado de não deixa-lo exposto a chuvas através das janelas, portas ou goteiras.

Se desgastadas, as réguas devem ser trocadas porque não há como restaurá-las.

Um beijo

Bianca


Postado em:Reforma e Construção
0 Comentários

Saiba mais: Granilite

O granilite é um composto de agregados minerais moídos, como mármore, granito, calcário e quartzo, que misturados com cimento, areia e água se transformam em microconcreto com grande resistência a impactos e a abrasão.

Este tipo de piso tem o  nome granilite porque se assemelha ao granito. Essa argamassa é espalhada sobre a base e em cima vêm grãos adicionais que ficam na superfície.

Aplicado em larga escala, pode ser usado como piso ou rodapé em áreas de maior circulação seguindo as tendências da construção civil e da decoração de ambientes, sendo disponível de infinitas cores e combinações (cor massa + cor dos agregados).

Ele oferece baixo custo na produção e aplicação, porém é necessário a contratação de mão de obra especializada para se obter o resultado satisfatório.

Para aplicá-lo o piso ou a parede devem ter uma base sem ondulações, limpa e firme e devem ser montadas as juntas de dilatação.

Durante a aplicação, a sujeira é grande e a massa muito molhada, impossibilitando assim, que qualquer pessoa permaneça no local.  Depois de pronto,  ele é polido e deve ser impermeabilizado.

Use vassoura e sabão neutro para a limpeza. Não devem ser usados produtos abrasivos que estragam a impermeabilização e a argamassa composta por cimento.

Vejam o resultado nas fotos!

Um beijo

Bianca

 

Postado em:Reforma e Construção
0 Comentários

Histórias de reforma: piso de resina branco

Recentemente, meu escritório de Arquitetura, Asenne, finalizou a aplicação desse piso na residência de um dos nossos clientes, que desejavam um piso totalmente branco. Optamos pela resina (clique aqui para ler o post sobre as qualidades dos pisos de resina) . 

Porém, não gostamos de alguns defeitos de acabamento (falhas e ondulações) que notamos na área da sala depois do piso finalizado. 

Como esse material não aceita retoques, vamos ter que fazer novamente a aplicação da última demão… O que é um super chato agora que os móveis já estão no lugar… 

Acredito que a base do piso não tenha sido bem preparada pela mão de obra especializada antes da aplicação da resina. Eles deveriam aplicar uma massa cinza para regularizar totalmente o contrapiso ou o piso que ficou por baixo, mas pelo jeito eles não capricharam muito..

Como dependemos totalmente dessa mão de obra, quem opta por esse material deve ter o cuidado de fazer uma vistoria geral antes de aceitar o piso como concluído.

Pode ser necessária uma demão final para matar imperfeições e é bom que ela seja realizada logo em seguida. Apesar desse grande inconveniente, o visual ficou lindo. 

Subimos com a resina sobre o rodapé de MDF liso, o que deu ainda mais a sensação de amplitude. Ficou uma superfície lisa e contínua, sem emendas ou juntas. 

O acabamento escolhido foi o fosco. 

OBS: pisos brancos são lindos, o único incoveniente é que mostram qualquer sujeirinha… A funcionária que cuida da limpeza na casa desse cliente já me falou que não gostou do piso… rsrsrs… Dá muito trabalho, por isso pense bem antes de escolher esta opção.

Beijos

Bianca

Postado em:Decoração e Bem-estar, Dicas úteis
0 Comentários

Especial piso: quais as diferenças entre acabamento bold e retificado?

Muitas dúvidas surgem quando vamos escolher o melhor piso para a casa. Principalmente porque o melhor muitas vezes não cabe em nosso orçamento… Mas o que não falta no mercado são opções de ótimo custo x benefício.

É mesmo complicado, porque existe muita oferta e alguns diferenciais que influenciam tanto no preço como no resultado final. Um deles é o acabamento da borda das peças, que pode ser bold ou retificado. Esse sempre é um impasse para os clientes da Asenne que não querem gastar muito.

BOLD é a mais comum, que sempre foi o padrão das cerâmicas. O acabamento nesse caso fica arredondado nas bordas e com isso, é necessário que o espaçamento entre as peças seja maior. A continuidade do piso fica um pouco comprometida e o rejuntamento aparece bastante.

Ela é indicada para locais mais rústicos, onde esta característica ajuda a dar ao ambiente exatamente este aspecto.

RETIFICADA é uma a cerâmica que foi cortada por discos de diamante e, por conseqüência, tem suas bordas mais retas e com dimensões mais precisas, o que facilita o total alinhamento e junção das peças diminuindo a necessidade de ter grandes espaçamentos e rejunte.

Com as juntas mais finas, o resultado final é bem mais clean e moderno. O único problema da cerâmica retificada é o preço, que chega a ser até 30% mais caro.

Um beijo
Bianca

Postado em:Reforma e Construção
2 Comentários